Restaurantes Populares de Curitiba dão dicas para reduzir a quantidade de agrotóxicos nos alimentos

 

O benefício dos alimentos orgânicos foi um dos tópicos apresentados durante uma ação educativa que ocorreu nos Restaurantes Populares administrados pela Ação Social do Paraná (ASP) em Curitiba.

São três as unidades administradas pela ASP na cidade: Matriz, Fazendinha e Sítio Cercado. No dia 30 de abril, os usuários destes restaurantes puderam entender melhor o que são alimentos orgânicos e os benefícios que eles trazem para a saúde, como o menor nível de toxicidade – devido à ausência de agrotóxicos – e o maior valor nutricional.

Segundo Ariadine Domborovski, nutricionista do Restaurante Popular do Sítio Cercado, os usuários que receberam a cartilha demonstraram muito interesse pelo conteúdo, já que o consumo de alimentos orgânicos não é habitual para o público-alvo dos restaurantes. “Foi muito bom mostrar que existe essa outra opção de alimentação, que é mais saudável. Foi uma descoberta para eles”, relata a nutricionista.

“O problema é o preço mais alto”: esse foi um dos comentários recebidos dos usuários. Antecipando esta questão e considerando o fato de que os alimentos orgânicos costumam ser mais caros por serem produzidos em menor escala, as nutricionistas dos Restaurantes Populares também deram dicas de como diminuir a quantidade de agrotóxicos nos alimentos convencionais.

 

Confira abaixo:

Como diminuir a quantidade de agrotóxicos dos alimentos?

A solução mais indicada para lavar frutas, verduras e hortaliças é diluir uma colher de sopa de bicarbonato de sódio em um litro de água. O ideal é sempre deixá-lo agir por meia hora e depois lavar os alimentos com água corrente.

O vinagre também pode ser utilizado para retirar as impurezas. Contudo, esse processo não garante a eliminação completa dos agrotóxicos. Outra alternativa válida é consumir os alimentos sem a casca, pois é ali que se encontra a maior quantidade desses compostos tóxicos.