DSS Holding e Profilática doam insumos para prevenção da Covid-19 em asilo da capital

Foto: Profilática

Países da Europa atingidos pela pandemia do novo coronavírus registraram entre as vítimas da doença milhares de idosos que viviam em instituições de longa permanência (asilos). Situação semelhante começa a se repetir em cidades do interior do Paraná, de acordo com informações das autoridades de saúde locais.

Em Curitiba, a DSS Holding e a Profilática Produtos Odonto-Médico Hospitalares, com sede em Araucária, querem prevenir esse cenário entre essa população que faz parte dos grupos de risco da covid-19. A Profilática, especializada na produção de soluções para controle de infecções, juntamente com a DSS, irão doar, até dezembro deste ano, antisséptico em gel para as moradoras do asilo São Vicente de Paulo, no bairro Cabral, em Curitiba.

A ideia é proporcionar os insumos necessários para o reforço das ações de higiene no local que abriga mais de 100 idosas. Por isso, está sendo disponibilizado também o produto Surfic, testado e aprovado para a inativação/destruição do coronavírus, causador da COVID-19. O SURFIC é utilizado para a limpeza e desinfecção simultânea de piso, parede, teto, maçanetas e das cadeiras de rodas com intuito de combater o risco de contaminação pelo coronavírus.

Além das entregas, que começaram no mês de abril, há acompanhamento periódico, por telefone, entre a enfermeira responsável técnica da Profilática e a enfermeira responsável da instituição. O contato permite saber a quantidade de produto necessária e fazer o reforço das orientações de uso.

Cuidado extra

Foto: Profilática

Para as idosas, estão programadas visitas da enfermeira responsável da Profilática. “É um cuidado a mais com elas, uma demonstração prática do uso do produto para minimizar ainda mais seus riscos e, por que não dizer, um gesto de carinho com quem mais precisa”, explica o CEO da empresa, Eridon Araújo.

Eridon lembra que a prevenção através da higienização é a principal arma contra a disseminação da covid-19. “E nós podemos fazer a nossa parte com o fornecimento dos insumos e o conhecimento dos nossos profissionais”, finaliza.

Clemilda Thomé, presidente da DSS Holding, reforça que a ação está alinhada com a filosofia da holding, que é a de “promover a saúde e a educação”. Para Clemilda, “a informação é essencial para que todos possamos saber como agir e nos proteger diante desta Pandemia.”

As visitas envolvem poucas pessoas e são tomadas todos as medidas de prevenção, como o uso de máscaras e o distanciamento mínimo.

Covid-19 em Curitiba

Na semana passada, a Secretaria Municipal da Saúde da capital paranaense concluiu a testagem dos idosos que vivem em 127 asilos da capital. O levantamento apontou que apenas 3% (67 dos 2.237 idosos) contraíram o novo coronavírus.

De acordo com os dados da cidade (até 3 de julho deste ano), dos 10,6 mil casos confirmados, há cerca de 700 idosos (a partir dos 60 anos) com a doença.

Fonte: Marketing Profilática